Insert Comic “Heróis solos: Verdadeiros guerreiros pessoais”

Todos nos quando fomos crianças, tínhamos os nossos heróis.

Queríamos ser como um dos Changeman ou Flashman. Alguns mais aguçados queriam ser como um dos X-men (eu, por exemplo, queria ser o Ciclope). O que todos tinham em comum é pelo fato de que faziam parte de uma equipe.

Equipes de super-heróis são muitos bons. Mas a verdade tem que ser dita: heróis solos são realmente muito bons. O desenvolvimento do personagem é muito mais completo. Veja por exemplo X-Men. São super-heróis que tem ótimas histórias, porém histórias solos do Wolverine desenvolviam melhor a características do personagem (quem não lembra da famosa revista com a capa da rasgada pelas garras do herói).

Heróis solos são sem dúvida alguma melhores para desenvolver histórias com característica humanas. Vejamos aqui alguns heróis que podemos ver estas características:

Homem-Aranha

Peter Parker é um estudante nerd. Sem namorada. Sem emprego. Cuidado pelo amor materno dos tios. Até o dia em que uma aranha radioativa o picou, tornando um grande herói. Mas o poder não mudou sua situação. Ficou ainda sem namorada(levou um tempo para conseguir uma) e sem emprego (conseguiu um trabalho de freelancer no clarim Diário – um “bico” no português mas apropriado). E apesar de ter que cuidar de sua tia, Peter tinha que conviver com seus problemas emocionais e do mal que acarreta a humanidade: as dívidas!!!

Apesar disso, Peter não perdia o humor e, quando vestia seu uniforme vermelho e azul, transformava-se em outra pessoa. Esta sim era uma pessoa espetacular.

Justiceiro

Um herói incompreendido, ou um assassino implacável?

Frank Castle nunca foi assim. Era policial que vivia com a sua família. Amava-os e os protegiam. Isso mudou após testemunhar a morte de uma pessoa pela máfia nova yorkina.

Um homem que sempre acreditou na justiça e que tudo poderia ser resolvido pela lei, encontra um sistema corrupto. Os assassinos de sua família esta impune, porém não por muito tempo. Como muitas pessoas que são injustiçadas pelo sistema, Frank Castle não se conformou: decidiu fazer justiça pelas próprias mãos tornando-se o Justiceiro.

Demolidor

Matt Murdock foi um aluno exemplar. Quando criança e bom aluno e bom atleta. Viveu dias de dificuldades com o seu pai. Na sua adolescência Matt sofreu um acidente com um caminhão com lixo tóxico ao tentar salvar um velho cego. Este acidente o deixou cego.

Este acidente poderia ter acabado com a vida deste brilhante jovem, mas Matt não desistiu. Quadrinhos também mostram uma lição de vida. Mesmo com as dificuldades que havia seus sentidos ficaram aguçados. Ele se formou em Ciências Jurídicas e tornou-se um advogado de respeito prestando assessoria para heróis e pessoas importantes da cidade de Nova York. Apesar de sua vida corrida, a sua segunda identidade e o que faz um defensor da justiça, um verdadeiro Demolidor.

Heróis tem sua identidade secreta, mas também tem sua vida pessoal. Apesar de lutar contra terríveis vilões, eles precisam lutar também contra muitos problemas pessoais. Separar estes dois lados e o que tornam verdadeiros guerreiros.

Por Willian Bauer

Anúncios

2 responses to this post.

  1. Posted by ryuguitarfreak on novembro 24, 2009 at 11:16 pm

    Mais um excelente texto. É realmente o que acontece cara, quando as histórias são solitárias é possível desenvolver mais o personagem de forma individual, geralmente em grupos são exploradas as relações entre os personagens.

    O próprio Superman na Liga da Justiça geralmente é o lider + força bruta. No entando, em suas histórias é explorado todo o contexto de sua origem kryptoniana e sua vida particular como Clark Kent.

    Responder

  2. Posted by Claudio, O Dragão Dourado on dezembro 2, 2009 at 10:54 pm

    kra boa materia gostei

    esse aspecto de desenvolver o personagem mais profundamente é algo interessante, e muito importante, mas o que é phoda em nas HQ é o Reboot, sempre tirando ou acrescentando coisas a criação do personagem , as vezes mudandos as caracteristicas dele. o que gera grandes probailidades de fazer merda.

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: